quinta-feira, maio 18, 2006

President of The World

Quando estou em casa à Quarta à noite, tenho por hábito ver "A Presidente", a tal série da SIC sobre a primeira mulher presidente dos EUA (papel brilhantemente interpretado por Geena Davis).
Não sei porque o faço... Talvez porque tenha algum interesse em política internacional, talvez porque tenha algum interesse nos EUA, talvez porque tenha algum interesse em teatro... Sim, porque todas estas séries são desenhadas para que os EUA sejam apresentados não como um mero estado bem sucedido, mas como os salvadores do Universo!
Eu não sei porque vejo a série quando, no primeiro episódio, colocam uma força do exército americano a entrar num país sobreano - a Nigéria - para resgatar uma nigeriana da morte por apedrejamento, apenas porque cometeu adultério... Eu concordo - EM ABSOLUTO! - com o princípio humanitário que leva a querer esta mulher salva. Mas a Nigéria é um estado soberano. Ninguém, à luz do Direito Internacional, pode invádi-lo, seja por que motivo fôr!
Mas as ideias de "Direito Internacional" e "Estado soberano" só fazem sentido para os americanos - à luz desta série e de tantas outras e, até, à luz da actuação das últimas administrações americanas - quando esses termos se aplicam ao seu país... Ou não tenhamos nós visto, tanto na série como nos debates televisivos das últimas presidenciais americanas (e, quiçá?, das antriores) algo que me deixa profundamente furiosa: referirem-se ao/à presidente dos EUA como "President of THE WORLD"!!!

8 comentários:

ivamarle disse...

eles acham-se mesmo donos do mundo, não tenhas a mínima dúvida; mas no entanto, não assinaram o protocolo de Kioto para desgraça de todos nós...

quanto ao relato no meu blog, aquilo passou-se no fim dos anos 80, princípios de 90, sei que agora as condições são outras, embora a agonia seja a mesma...

badger disse...

Olá,

Eu gosto dos EUA como país de onde emerge muitas novidades (positivas) aos vários níveis: inovações na saúde, tecnologias, ciência... até as do fast food!! :))

MAs digamos que o narcisismo exacerbado daquele povo leva-os a cometerem as maiores atrocidades da história!! Julgo que eles olham ao espelho e dizem «moldem-se à nossa imagem, somos os melhores»!!
Poderiamos falar dos casos de «invasões» bárbaras que eles fizeram... Sempre com justificações muito muito fortes... mas que depois nunca se confirmam!!

Para eles o unica estado soberano, só eles mesmo!!
E odeio o presidente!!

Enfim... tinha tanto para dizer, mas nem me apetece 8até pq isto já vai muito grande!!)

Bjks

Brunito disse...

Desde que eles não se metam comigo. É que se tem o azar de me lixar a cabeça, passo-me e arranjo uma confusão dos diabos.

Orgulho em ser Português.

GK disse...

Sim, pessoal, muito heveria mais a dizer. De mau ,mas também de bom sobre os EUA... Convido-vos a fazê-lo.
Eu, para já, fico com o Bruninho: os portugueses também têm orgulho nacional. Vamos assumi-lo!!!!

Bj.

S disse...

Gosto tanto da PresidentA!:)

HoneyWitch disse...

e há séries mm boas!

Brunito disse...

E também há series más!

Briosa disse...

Permite-me a errata.

President of the FREE World.

No coments, simplesmente ridículo.